Dúvidas

  1. .
  2. Topo
  3. O QUE É LEILÃO?
  4. É uma modalidade utilizada para venda de bens na qual os interessados disputam a compra por meio de lances. Vence aquele que fizer a melhor oferta. Pode ser judicial ou extrajudicial.

    Topo
  5. O QUE É LEILÃO JUDICIAL?
  6. O leilão Judicial é a modalidade para venda de bens penhorados através de um processo de execução judicial, pelo não pagamento da divída do processo o juiz autoriza a venda dos bens, normalmente os bens são ofertados em leilão por 50% de sua avaliação. O vencedor da disputa é chamado de arrematante. Habitualmente os bens são vendidos livres e desembaraçados de dividas, ônus, restrições, conforme descrito no item 6 abaixo.

    Topo
  7. COMO PARTICIPAR DOS LEILÕES?
  8. O leilão é público, podem participar pessoas físicas ou jurídicas, o interessado em participar e ofertar lances, pode-se participar de duas formas:

    PRESENCIAL

    Deve comparecer ao leilão presencialmentepontualmente na data e horário indicados no edital, portando seu documento de indentidade e ofertar lances.

    ONLINE

    Efetuar o cadastro no site www.zagoleiloes.com.br com antecendência de no minimo 24 horas do leilão desejado, preencher o cadastro e anexar os documentos abaixo descritos, após o cadastro liberado, deve se ofertar lances e participar do leilão através do site.

    Vídeo do passo a passo: https://youtu.be/XX978POpdgs

    Pessoa Fisica

    • Documento de indentificação pessoal (CPF e RG)
    • Comprovante de endereçoh

     

     Pessoa Jurídica

    • Contrato Social
    • Documentos do representante legal (CPF e RG)
    • Comprovante de endereço

     

    Topo
  9. OS BENS DE LEILÃO, ACOMPANHAM ALGUM ÔNUS?
  10.  A arrematação é considerada uma aquisição originária da propriedade.

    No caso de leilões judiciais, em regra, o bem é entregue ao arrematante livre de quaisquer ônus. Desse modo, multas, taxas, tarifas de depósitos, IPTU, IPVA, hipotecas e outros ônus NÃO são transferidos ao arrematante. Entretanto, com bens imóveis as dívidas de condomínio e débitos de INSS da construção (desde que averbados na matrícula do imóvel) serão repassados ao arrematante. Também ficarão a cargo do arrematante, todas as despesas de transferências, tais como ITBI, emolumentos cartorários, licenciamento do veículo, seguro-obrigatório e taxas do DETRAN, entre outros. Sempre leia o edital e consulte o leiloeiro para verificar existencia de ônus.

    No caso de leilões extra-judiciais as informações sobre ônus constam nos editais.

    Topo
  11. COMO POSSO DAR LANCE ONLINE?
  12. Para que o usuário possa dar lances, o usuário deve se cadastrar no site.

    O usuário pode dar lances seguindo passo a passo:

    1 – Efetuar Login (topo da página clicar em “ ENTRAR”, e em seguida forneça suas informações de acesso nos campos Login e Senha);

     

    2 – Escolha o Leilão que lhe interessa participar e clique em “DE SEU LANCE” (botão disponivel no horario e data do leilão, situado ao lado do botão download);

    OBS: No caso de leilões abertos para lances on-line antecipados, basta acessar o lote em "DETALHES" (botão verde ao lado do lote) e abaixo das informações do lote está situado a área do lances.

    3 - Selecione Lance Manual e oferte o valor desejado, devendo o lance ser maior que o lance anterior.

    Topo
  13. QUAIS OS VALORES PAGOS NO LEILÃO?
  14. São pagos no leilão:

    Lance Ofertado + Comissão do Leiloeiro (% sobre o lance ofertado) + Despesa do Lote

    Comissão do Leiloeiro:É a remuneração pela prestação dos serviços que é paga pelo Arrematante. O percentual de comissão é descrito no edital ou é determinado pelo juiz, aplicado sobre o valor do lance ofertado.

    A Despesa do Lote: É a despesa paga pelo arrematante. A despesa adiministrativas são as despesas geradas pelo lote (exemplo: Custo de: publicação do edital no jornal, transporte e armazém, documentação, etc..)

    Topo
  15. QUAIS AS FORMAS DE PAGAMENTO?
  16. O pagamento deverá ser realizado integralmente de forma á vista.

    Em alguns casos, em leilões extrajudicias e leilões da justiça federal e estadual, para lotes especificos é aceito também forma de pagamento parcelado, está informação deverá ser consultada antecipadamente no edital e junto ao leiloeiro. No caso de parcelamento, pode-se efetuar apenas o parcelamento do lance ofertado, a comissão do leiloeiro e depesas devem ser pagas obrigatoriamente de forma á vista.

    Topo
  17. O QUE É LANCE?
  18.  É o valor em reais a ser ofertado por um determinado lote. O lance inicial é o valor minimo aceito pelo comitente no leilão, não sendo possivel ofertar lances com valores inferiores.

    Topo
  19. O QUE SIGNIFICA INCREMENTO MÍNIMO?
  20. O Incremento mínimo é o valor (mínimo) para cobrir o lance anterior. Exemplo em um lote com o lance atual em R$1.000,00 e incremento mínimo de R$200,00 o sistema aceita lance R$1.200,00 , R$1400,00 , etc..

    Topo
  21. SENDO INVALIDADA A ARREMATAÇÃO, PERCO O DINHEIRO?
  22. Não. Caso a arrematação seja invalidada por determinação judicial, o valor do lance + comissão do leiloeiro + despesa do lote serão devolvidas integralmente ao arrematante. Lembre-se que o valor do arremate fica depositado em uma conta judicial, com correção de juros legais e atualização monetária, o que torna seguro o procedimento.

    Topo
  23. O QUE QUER DIZER EDITAL?
  24. Edital é o documento oficial de exposição das condições de venda dos lotes, contendo diversas informações importantes sobre o leilão. Lembrando que ao participar do leilão, o arrematante automaticamente aceita todas as condições estipuladas no edital. 

    Topo
  25. O QUE QUER DIZER ARREMATAÇÃO E ARREMATANTE?
  26. O vencedor do lote é denominado de arrematante. Arremate é o nome dado ao maior lance dado no fechamento do lote. 

    Topo
  27. POSSO CANCELAR LANCES? CASO ARREMATEI E NÃO PAGUEI SEREI PENALIZADO?
  28. Conforme consta no edital do leilão, o portal de leilões não cancela lances efetuados. LANCES EFETUADOS SÃO IRREVOGÁVEIS E IRRETRATÁVEIS E SIGNIFICAM COMPROMISSO ASSUMIDO. O Usuário é responsável por todas as ofertas e lances registrados em seu nome. Caso o lance seja vencedor, o usuário poderá desistir do mesmo, pagando a multa descrita no edital. 

    Sim. Ocorrendo desistência ou arrependimento do lance ou proposta, por parte do arrematante, o mesmo ficará obrigado a pagar o valor da comissão do leiloeiro além do valor correspondente a 20% (vinte por cento) sobre o lance ou proposta efetuada, a titulo de multa, a ser revertida em favor da empresa vendedora ou comitente.

    Topo
  29. COMO FICO SABENDO SOBRE NOVOS LEILÕES EM MINHA CIDADE?
  30. Para saber sobre novos leilões, cadastre seu email em nossa newsletter no rodapé do site em "RECEBA INFORMAÇÕES" e passa a receber nossos informativos, pode se acompanhar também através do site www.zagoleiloes.com.br, é recomendado o interessado acessar o site de 30 em 30 dias para acompanhar as novas oportunidades

    Topo
  31. ARREMATEI UM LOTE O QUE FAZER?
  32. No leilão presencial, o arrematante, obrigatoriamente, acompanhará a elaboração da documentação, assinando-a e efetuando o pagamento no próprio local do leilão recebendo orientações sobre o procedimento.

    Nos leilões On-line (internet) as orientações para os arrematantes, após o término do leilão, entraremos em contato com o arrematante via telefone e e-mail informando-o sobre os procedimentos necessários.

    Topo
  33. COMO ACESSAR MEU HISTÓRICO DE ARREMATES?
  34. Para acessar seu histórico de arremates, deve logar no site, no topo do site acessar "MINHA CONTA", após acessar "MINHAS ARREMATAÇÕES". Basta seguir o procedimento descrito ou acessar o link: https://www.zagoleiloes.com.br/central/compras

     

    Topo
  35. SE O BEM POSSUIR ALIENAÇÃO FIDUCIÁRIA OU HIPOTECE, PODE SER LEILOADO?
  36. Habitualmente, sobre bens que possuem alienação fiduciária, o credor é previamente intimado para dizer se concorda com a venda, interpretando sua omissão como anuência. Assim, o bem somente é levado a leilão mediante anuência do credor fiduciário, o que torna válida a alienação.

    Topo
  37. COMO FAÇO PARA RECEBER UM BEM ARREMATADO?
  38. No caso de leilões judiciais, consumada a arrematação e não havendo embargos judicial , o arrematante é intimado para receber o bem. Se o bem estiver removido, o arrematante se dirija ao depósito do leiloeiro e lá remove o bem, assinando o termo de recebimento. Se o bem estiver em poder do devedor, o arrematante deverá recebê-lo no local indicado do leilão, mediante acompanhamento de oficial de justiça. É importante ressaltar que todas as despesas de transporte dos bens arrematados serão de inteira responsabilidade do arrematante. 

    Topo
  39. QUANTO TEMPO LEVA PARA LIBERAÇÃO DO BEM ARREMATADO?
  40. No caso de leilões extra-judiciais, os prazos de entrega constam no edital, este prazo é bastante reduzido em virtude das ágeis liberações dos documentos.

    No caso de leilões judiciais, se não ocorrer embargos à arrematação ou outros incidentes judiciais, a entrega do bem se consuma em aproximadamente 60 a 90 dias. O prazo pode ser maior ou menor, dependendo da situação do bem e da facilidade na sua entrega.

    Topo
  41. QUAIS VANTAGENS DE SE ADQUIRIR BENS EM LEILÃO JUDICIAL OU VENDA DIRETA?
  42. Os bens vendidos em leilão, normalmente são vendidos por um valor expressivo abaixo do mercado, no caso de leilões judicias, em regra, os bens são vendidos livres de qualquer ônus (IPTU, hipotecas, etc..)

    Topo
  43. MINHA CONEXÃO DE INTERNET É LENTA. ISSO ATRAPALHA MEU LANCE ONLINE?
  44. Sim. Os lances online serão concretizados no ato de sua captação pelo provedor e não no ato da emissão pelo participante. Assim, diante das diferentes velocidades nas transmissões de dados, dependentes de uma série de fatores alheios ao controle pelo provedor, o leiloeiro e os comitentes (proprietários dos bens) não se responsabilizam por lances ofertados que não sejam recebidos antes do fechamento do lote. 

    Topo
  45. É PERMITIDO A PERMITIDO A PARTICIPAÇÃO POR PROCURAÇÃO?
  46. Sim, a procuração deve conter ter poderes específicos para o ato de arrematação. No caso de pessoa jurídica, além da procuração, também deverão ser apresentadas as cópias do contrato social e suas respectivas alterações. No botão abaixo está disponível um modelo de procuração.

    Topo
  47. Como indicar o leiloeiro nos processos judiciais?
  48.  O leiloeiro pode ser indicado para atuar seus processos, basta peticionar informando o nome e os dados do leiloeiro, citando o Art 883 do CPC que permite ao exequente indicar o leiloeiro.

    Art. 883 CPC (Lei 13105/15) - Caberá ao juiz a designação do leiloeiro público, que poderá ser indicado pelo exequente.

    Topo